Ana Rita de Andrade Rodrigues Wever

Natural de Alvalade, Lisboa (1975)

 

Licenciada em Arquitetura de Planeamento Urbano e Territorial pela U.T.L.- F.A.L. (1999)

Exerce a sua atividade profissional na C.M. de Lisboa (desde 1999)

Curso de Pintura da Sociedade Nacional de Belas Artes (2010 – 2014)

Atelier Livre do Curso de Pintura da S.N.B.A., orientado pelo Pintor Jaime Silva (2014/ 2015)

Curso de História de Arte Contemporânea da S.N.B.A. (2014/ 2015)

Atelier Experimental da S.N.B.A., orientado pela Artista Plástica Ana Lima-Netto (2015 – 2021)

Sócia efetiva da S.N.B.A. (2014)

Membro dos Orgãos Sociais da S.N.B.A. (Biénio 2017/ 2018)

Formação complementar de Fotografia (2013/ 2014) e Joalharia (2008)

EXPOSIÇÕES INDIVIDUAIS:

2021 > «Fragility», Erva Art Corner, Hotel Corinthia, Lisboa

2020 > «Fragile State», Galeria de Arte Moderna Pintor Fernando de Azevedo, 

Sociedade Nacional de Belas Artes, Lisboa

2017 > «Fragility Re-search», Galeria de Arte Moderna Pintor Fernando de Azevedo, 

Sociedade Nacional de Belas Artes, Lisboa

2016 > «FEEL-TRUE» Centro de Documentação do Edifício Central do Município, Lisboa

2013 > «Fio Condutor», Centro de Documentação do Edifício Central do Município, Lisboa

 

EXPOSIÇÕES COLETIVAS:

2021 > «Alunos SNBA 2020/2021», Sociedade Nacional de Belas Artes, Lisboa

2021 > Oficinas de Formação e Animação Cultural, Aljustrel

2020 > «XXI Bienal Internacional de Arte de Cerveira», Fundação Bienal de Arte de Cerveira, Vila Nova de Cerveira

2020 > «Presença», Oficinas de Formação e Animação Cultural, Aljustrel

2019 > «Salão Convívio dos Artistas Sócios», Sociedade Nacional de Belas Artes, Lisboa

2019 > «Let me tell you about...», Museu de Arqueologia e Etnografia do Distrito de Setúbal

2019 > Sociedade Nacional de Belas Artes, Lisboa

2018 > Sociedade Nacional de Belas Artes, Lisboa

2018 > «Ventos de Mudança», Galeria de Exposições Augusto Cabrita, Seixal

2017 > «Brilho(s) de Natal», Galiarte – Espaço Artístico, Lisboa

2017 > Sociedade Nacional de Belas Artes, Lisboa

2017 > «Salão da Primavera» de Maria Morais,  Associação Paço d' Artes e Associação Cultural "A Voz de Paço de Arcos", Paço de Arcos

2017 > «Fogueira em Noite de Inverno», Coletiva de Arte Contemporânea, Galeria Biblioteca Municipal, Palmela

2016 > Sociedade Nacional de Belas Artes, Lisboa

2016 > «Calçada Portuguesa no Mundo», Voz do Operário, Lisboa

2015 > «Salão Convívio dos Artistas Sócios», Sociedade Nacional de Belas Artes, Lisboa

2015 > Quinta dos Caniços, Tires

2015 > Centro Cultural Malaposta, Odivelas

2015 > Oficinas de Formação e Animação Cultural, Aljustrel

2014 > Pavilhão Multiusos, Odivelas

2014 > Sociedade Nacional de Belas Artes, Lisboa

2014 > Centro de Exposições, Odivelas

2014 > Oficinas de Formação e Animação Cultural, Aljustrel

2013 > Sociedade Nacional de Belas Artes, Lisboa

2013 > Pavilhão Polivalente, Odivelas

2012 > Quinta dos Caniços, Tires

2012 > Sociedade Nacional de Belas Artes, Lisboa

2011 > Oficinas de Formação e Animação Cultural, Aljustrel

2011 > Sociedade Nacional de Belas Artes, Lisboa


PRÉMIOS, CONCURSOS E BIENAIS

2020 > «XXI Bienal Internacional de Arte de Cerveira», Fundação Bienal de Arte de Cerveira, Vila Nova de Cerveira

2019 > Prémio «Salão Convívio dos Artistas Sócios", Sociedade Nacional de Belas Artes, Lisboa - Menção Honrosa pelo trabalho intitulado "NATURAL II" da Série "Estado Frágil"

2019 > Portuguese Emerging Art 2019, da EMERGE – Associação Cultural para a Promoção da Arte Contemporânea. Selecionada com o Projeto “Fragile State"

2018 > Portuguese Emerging Art 2018, da EMERGE – Associação Cultural para a Promoção da Arte Contemporânea. Selecionada com o Projeto “Fragility Re-search"

2017 > Portuguese Emerging Art Catalogue 2017, da EMERGE – Associação Cultural para a Promoção da Arte Contemporânea. Selecionada com o Projeto “Fragilidade”

2015 > «Prémio de Pintura Abel Manta», Museu Municipal de Arte Moderna, Gouveia

2015 > «A Poética do Visual», Galeria do Museu da Cidade, Aveiro, exposição internacional promovida pela ART-MAP

2014 > «Arte Hoje», Sociedade Nacional de Belas Artes, Lisboa

BOLSAS E APOIOS

2017 > Programa de Apoio às Artes Visuais 2017 da Fundação Calouste Gulbenkian

Projeto apoiado: “Fragility Re-search | Da transformação à metamorfose”


COLEÇÕES:

Fundação Bienal de Arte de Cerveira; Câmara Municipal de Lisboa; coleção particular do Pintor Jaime Silva; coleções particulares (Portugal e Holanda)